Você tem problemas para Perder Peso? Saiba como Emagrecer!

Você tem problemas para perder peso? Ou você gostaria de perder mais rápido? Então está no lugar certo. Prepare-se para perda de peso sem fome.

 

A verdade é que as ideias tradicionais como “comer menos”, “treinar mais”  não funcionam sem uma estratégia. Contar calorias, exercitar por horas todos os dias e tentando ignorar sua fome? Isso é sofrimento desnecessário e desperdiça seu tempo e acabar com toda sua força de vontade. É perda de peso para masoquistas! Eventualmente quase todo mundo desiste dos seus objetivos por um plano frustrado de alimentação e treino. É por isso que temos uma epidemia de obesidade no mundo. Felizmente, há um jeito melhor:

 

Seu peso é regulado hormonalmente. Se você reduzir os níveis do hormônio insulina (responsável pelo armazenamento de gordura), será mais fácil perder o excesso de peso.

perda de peso

10 dicas para Perda de Peso

Você está pronto? Aqui vamos nós. Comece no topo da lista (mais importante) e desça o quanto você quiser. Esperamos que desde o primeiro conselho valha a pena!

 

  1. Busque um nutricionista
  2. Alinhe seu objetivo com um educador físico
  3. Compre um relógio que marque suas atividades, custa em média R$150,00
  4. Caminhe ao menos 30 minutos por dia
  5. Durma mais e melhor, desligue as luzes e aparelhos da tomada, em média 7-8h por noite.
  6. Não faça dietas mirabolantes da internet
  7. Escolha uma atividade física que você goste de fazer (De verdade rs)
  8. Encontre amigos de treino que te apoiam e te motivam a continuar
  9. Se afaste temporariamente de quem te atrapalha no seu objetivo, até você ter o controle

 

  1. Dica valiosa: Crie uma lista com cartolina ou em um caderno mesmo, se você for mais moderninho(a) existem aplicativos e notas no celular que te ajudam anotar! Coloque os dias do mês 30 dias e anote todos os dias que você conseguiu se alimentar adequadamente, fazer atividade física e dormir no horário. Ao final de 30 dias faça uma avaliação de quantos dias você teve sucesso e quantos dias você se perdeu na rotina, e não se desespere com o resultado inicial a ideia é melhorar mês a mês! Depois desta dica rápida, vamos falar sobre como perder peso?

Veja Os 7 melhores suplementos para emagrecer!

 

Dieta Low carb

Dieta Low Carb funciona de verdade?

Se você quer perder peso, você deve começar evitando o açúcar e os carboidratos (como pão, macarrão e batatas). Esta é uma ideia antiga: há 150 anos ou mais, tem havido um grande número de dietas para perda de peso com base na ingestão de menos carboidratos. O que há de novo é que dezenas de estudos científicos modernos provaram que, sim, o low carb é uma maneira eficaz de perder peso.

 

Obviamente, ainda é possível perder peso em qualquer dieta, basta comer menos calorias do que você queima, certo? O problema com este conselho simples é que ele ignora o elefante na sala: Fome. A maioria das pessoas não gosta de “comer menos“, ou seja, ficar com fome para sempre. Isso é dieta para masoquistas. Mais cedo ou mais tarde, uma pessoa normal vai desistir e comer, daí a prevalência da “dieta yo-yo” vai e volta.

 

O que escolher no mercado? Seu check-list saudável e completo!

 

Alimentos gordura boa

Quais sãos os benefícios da dieta de baixo carboidrato para a perda de peso?

A principal vantagem da dieta baixa em carboidratos é que ela faz com que você queira comer menos. Mesmo sem contar as calorias, a maioria das pessoas com excesso de peso ingerem muito menos calorias em carboidratos baixos. Açúcar e amido podem aumentar sua fome, enquanto evitando-os pode diminuir seu apetite para um nível adequado. Se o seu corpo deseja ter um número adequado de calorias, você não precisa se preocupar em contá-las. Assim: as calorias são contabilizadas, mas você não precisa contabilizá-las.

 

Um estudo de 2012 também mostrou que pessoas com uma dieta baixa em carboidratos queimaram mais 300 calorias por dia – enquanto descansavam! De acordo com um dos professores de Harvard por trás do estudo, essa vantagem “seria igual ao número de calorias normalmente queimadas em uma hora de atividade física de intensidade moderada”. Imagine isso: uma hora inteira de bônus de exercício todos os dias, sem realmente se exercitar. Um estudo posterior, ainda maior e com mais cuidado, confirmou o efeito, com diferentes grupos de pessoas com dietas baixas em carboidratos queimando uma média entre 200 e quase 500 calorias extras por dia.

 

Essa dieta é a ‘’Low carb’’ e não zero carboidrato, os carboidratos são essenciais para o funcionamento do nosso organismo e ajudam no funcionamento cerebral inclusive, com isso uma alimentação sem carboidratos não faz sentido algum. Agora reduzir o consumo exagerado é uma ideia inteligente!

Compre agora suplementos ideais para Dieta Lowcarb…

alimentos ricos em proteinas

Coma quando estiver com fome esse é o segredo!

Não tenha fome. O erro mais comum ao iniciar uma dieta baixa em carboidratos: Reduzir a ingestão de carboidratos enquanto ainda tem medo de gordura. Carboidratos e gordura são as duas principais fontes de energia do corpo e precisam de pelo menos um deles.

Baixo teor de carboidratos e baixo teor de gordura = fome

Evitar carboidratos e gorduras resulta em fome, desejos e fadiga. Mais cedo ou mais tarde, as pessoas não aguentam e desistem. A solução é comer mais gordura natural até que você se sinta satisfeito. Por exemplo:

 

Manteiga

Azeite

Pasta de amendoim

Mix de oleaginosas

Bacon

Ovos

Abacate

 

Sempre coma o suficiente

Para que você se sinta satisfeito, especialmente no início do processo de perda de peso. Fazendo isso em uma dieta baixa em carboidratos significa que a gordura que você come será queimada como combustível pelo seu corpo, como seus níveis de insulina de armazenamento de gordura hormônio serão reduzidos, você vai se tornar uma máquina de queima de gordura, e perderá o excesso de peso sem fome.

 

Você ainda tem medo de gordura saturada?

O medo da gordura saturada é baseado em teorias obsoletas que foram provadas incorretas pela ciência moderna. A manteiga é uma boa comida. No entanto, sinta-se livre para comer principalmente gorduras insaturadas (por exemplo, azeite, abacate, peixe), se preferir. Isso poderia ser chamado de uma dieta mediterrânea de baixo carboidrato e funciona muito bem também.

Comer quando está com fome também implica outra coisa: se você não está com fome, provavelmente ainda não precisa comer. Quando em uma dieta keto você pode confiar em seus sentimentos de fome e saciedade novamente. Sinta-se à vontade para comer quantas vezes por dia que funcione melhor para você.

Algumas pessoas comem três vezes ao dia e, ocasionalmente, fazem um lanche entre elas (note que lanches freqüentes podem significar que você se beneficiaria da adição de gordura às refeições, para aumentar a saciedade). Algumas pessoas só comem uma ou duas vezes por dia e nunca lancham. Tudo o que funciona para você. Apenas coma quando estiver com fome, não mude seus hábitos de uma vez, isso pode detonar sua motivação. Leve mais tempo nessa mudança de hábito, isso vai ser positivo para o seu corpo se adaptar.

 

Coma comida de verdade e emagreça!

Outro erro comum ao comer uma dieta baixa em carboidratos é ser enganado pelo marketing criativo de produtos especiais de “baixo teor de carboidratos”.

Lembre-se: Uma dieta baixa em carboidratos eficaz para perda de peso deve ser baseada em comida real.

Comida de verdade é o que os humanos têm comido por milhares ou ainda melhor, milhões de anos, por ex. carne, peixe, legumes, ovos, manteiga, azeite, nozes etc.

Uma dica de lanche saudável é o Mix de castanhas e frutas secas 😉

Se você quer perder peso, é melhor evitar produtos especiais com ‘’baixo’’ teor de carboidratos, sendo cheios de carboidratos. Isso deve ser óbvio, mas os profissionais de marketing criativos estão fazendo tudo o que podem para te convencer. Eles vão lhe dizer que pode comer biscoitos, massas, sorvetes, pão e muito chocolate em uma dieta baixa em carboidratos, contanto que você compre sua marca. Eles estão cheios de carboidratos. Não se deixe levar, você pode sim vez ou outra adquirir esses alimentos, mas evite.

O chocolate com baixo teor de carboidratos é geralmente cheio de álcoois de açúcar, que o fabricante não conta como carboidratos. Mas aproximadamente metade desses carboidratos podem ser absorvidos, aumentando o açúcar no sangue e a insulina. Os carboidratos restantes acabam no cólon, potencialmente causando gases e diarréia.

 

Aqui estão três exemplos do que evitar na dieta:

Bolinhos industrializados e de padaria

Pão com pouco carboidrato

A fraude de massas  (que finalmente resultou em uma multa de 8 milhões de dólares para algumas empresas.)

Existem milhares de empresas semelhantes tentando convencê-lo a comprar sua junk food “baixa em carboidratos”, cheia de amido, açúcar-álcool, farinha de trigo, adoçantes e aditivos estranhos. Duas regras simples para evitar esse isso:

Não coma versões com baixo teor de carboidratos de alimentos ricos em carboidratos, como biscoitos, barras, chocolate, pão, massas e sorvetes, a menos que você tenha certeza dos ingredientes.

Concentre-se em comer alimentos de boa qualidade e minimamente processados. O ideal é que a comida que você compre não tenha sequer uma lista de ingredientes (ou deve ser muito curta).

 

Suplementos alimentares

Menos moderação na alimentação e mais qualidade

Finalmente, esqueça o fracassado lema da dieta “Fecha a boca” de parentes sem noção.

Coma o máximo de comida saudável, sempre que estiver com fome, coma menos lixo que puder. Nada retarda a perda de peso mais do que comer mais comida de que não precisa.

Esta procurando por alimentos saudáveis? Clique aqui e aceite uma sugestão!

 

Limite os lanches desnecessários

Lanche desnecessário pode ser um problema em uma dieta também. Algumas coisas são fáceis de comer só porque são saborosas e prontamente disponíveis. Aqui estão três armadilhas comuns a serem observadas em uma dieta com ou sem carboidratos:

Produtos lácteos, como natas e queijos. Eles funcionam bem na culinária enquanto satisfazem. O problema é se você está mastigando muito queijo na frente da TV à noite … sem estar com fome. Tenha cuidado com isso. Ou muito sobremesa, quando você já está cheio e continua comendo porque tem um gosto bom. Ou outro culpado comum: muito açúcar no café, muitas vezes por dia.

 

Para emagrecer é necessário comer de 3 em 3 horas?

Você tem que tomar café da manhã? Não, claro que não. Não coma se não estiver com fome. E isso vale para qualquer refeição.

Em uma dieta restrita, a fome e o desejo de comer tendem a diminuir muito, especialmente se você tem excesso de peso a perder. Seu corpo pode estar feliz queimando suas reservas de gordura, reduzindo a necessidade de comer.

Se isso acontecer, seja feliz! Não lute contra isso comendo comida que você não quer. Em vez disso, espere a fome voltar antes de comer novamente.

Algumas pessoas temem perder o controle se não comerem a cada três horas, fazendo com que elas comam milhares de calorias e acabam com suas dietas completamente. Então eles obsessivamente lancham o tempo todo.

Uma dúvida comum de quem lê este conteúdo é: Quantas vezes devo treinar na semana para ganhar massa muscular?

Conclusão sobre a perda de peso

Comer comida saudável é o caminho, as possíveis causas de uma dieta fracassada é tentar imitar ou seguir modinhas que estão na internet ou em revistas. A redução do carboidrato vai ajudar no apetite exagerado e reduzir o peso corporal de forma saudável, ou até a ganhar massa muscular, gerando uma aparência de definição até maior.

É importante:

Fazer exercícios físicos regularmente

Em caso de problema de saúde buscar a orientação de um médico.

 

Esperamos que essas dicas possam te ajudar na perda de peso, e que você se lembre deste conteúdo ao longo do dia, essas dicas possam te guiar para mais perto do seu objetivo.

Gostou? Avalie e comente, amamos sugestões! ❤❤

As melhores proteínas para perda de peso

As melhores proteínas para perda de peso

Nós sabemos que fazer dieta é algo não tão simples assim. Há muitas pessoas que ao pensarem em emagrecimento, começam a tirar grandes quantidades de calorias de sua alimentação com o intuito de que se comer menos, a perda de peso é muito maior. Mas, não é bem assim, os alimentos precisam ser selecionados e as calorias também. Veja agora sobre um importante macronutriente: As melhores proteínas para perda de peso.

 

  1. Whey Protein

Vamos começar então com a mais clássica proteína. Para quem não conhece ainda, é uma proteína do soro do leite, ou seja de origem animal. Diversos atletas utilizam com o intuito de ganho de massa muscular, por ser um produto completo em aminoácidos essenciais, ela também é importante para objetivos como emagrecimento.

 

Uma revisão de 9 estudos encontrou que indivíduos sobrepesos e obesos que suplementaram com Whey Protein, perderam mais peso e ganharam mais massa muscular que aqueles que não suplementaram.  Outro fator importante a ser considerado no emagrecimento é ter maior saciedade e o Whey protein mostrou maior saciedade.

Veja como tomar Whey Protein!

  1. Albumina

Se você é intolerante a lactose, e quer manter alimentos de origem animal, a albumina é ideal a você. Bem simples, claro do ovo pasteurizada e desidratada em pó. Seu tempo de absorção não é tão longo quanto comparado à proteína do leite ou caseína, mas a mesma é completa em aminoácidos e possui uma excelente absorção.

 

  1. Milk Protein

Outra proteína do soro do leite, porém 80% caseína e 20% Whey Protein. Trabalhando assim diferentes tipos de tempo na absorção. Sendo uma proteína rica em caseina, o espero é que a mesma seja de mais lenta absorção e com isso, uma maior saciedade é notada e além disso, o suplemento também oferece uma boa fonte de cálcio. Por ser uma proteína animal, sua cadeia de aminoácidos é completa, garantindo assim uma boa absorção.

 

  1. Pea Protein ou proteína da ervilha

Entramos agora na sessão de proteínas vegetais. Se você não se alimenta com nada de origem animal, a proteína da ervilha é altamente recomendada. Ela também possui todos os aminoácidos essenciais, porém alguns deles estão em menor concentração.

 

É hipoalérgica, sendo uma escolha segura para intolerantes, alérgicos ao leite, soja ou ovo. A proteína da ervilha se torna uma boa alternativa para incluir em sua alimentação, principalmente se o objetivo é emagrecimento. Em termos de saciedade, a pea protein se mostrou em 2 lugar depois da caseína.

 

O suplemento pode ser utilizado em receitas, sucos e vitaminas ou da maneira que achar mais interessante.

 

  1. Proteína da soja

A proteína mais conhecida dentro das vegetais, sendo também interessante a aqueles que não consomem produtos animais ou possuem intolerância a lactose.

Porém, é a mesma questão em aminoácidos quando comparado a animal, a mesma possui todos, mas as quantidades não são iguais.

Para isso, basta aumentar a dose da porção do produto, para que os aminoácidos também se elevem. Visto nos tópicos acima, o Whey Protein foi associado a grande redução no apetite, e a soja também.

Saiba mais sobre as proteínas para ganho de massa muscular!

  1. Beef Protein ou proteína da carne vermelha

Uma proteína animal completa, indicada a quem se alimenta com produtos animais, mas não tem boa tolerância a lactose ou outras alergias alimentares. Há indicações também para indivíduos com problemas intestinais, pelo fato de ser uma proteína hidrolisada, sua absorção é bem rápida.

 

Para quem não se alimenta com carne vermelha ou não tem costume, a suplementação com este tipo de proteína pode ser válida, inclusive por ser rica em um importante aminoácido ideal para força nos treinos, a creatina.

 

  1. Importantes na alimentação

Fibras, sim são muito importantes, não somente para quem busca emagrecimento, as fibras são fundamentais em uma alimentação saudável. Proporcionando diversos benefícios a sua saúde, como diminuição do colesterol(aveia – beta glucanas), prevenção da Diabetes tipo II, saciedade, aumento do bolo fecal e emagrecimento.

 

Em nosso site é possível contar com o produto Fiber Mix. Lembre-se de que tomar água nas quantidades adequadas são muito importantes para melhor funcionamento das fibras e de todos processos orgânicos.

 

Conclusão:

 

Quando se trata de perda de peso, criar uma restrição calórica é bem importante.

 

Diminuindo as calorias totais dos alimentos da dieta e se exercitando. É recomendado que procure um nutricionista para que o mesmo estabeleça sua quantidade calórica ideal, assim como a quantidade de nutrientes.

 

A suplementação sozinha não será efetiva, o conjunto de alimentação + atividades físicas e suplementação sim.

Alguns alimentos são ricos em fibras, como por exemplo a aveia, que é rica em beta glucanas, o que auxilia diretamente no colesterol.

 

Caso não consiga comer quantidades suficientes de fibras ao dia, a suplementação com as mesmas é uma boa. Mantenha se hidratado, beba água.

 

E lembre-se, a suplementação não substitui nenhuma alimentação e sim complementa. Seu nutricionista irá incluir alimentos ricos em proteína ao longo do dia.

 

Caso tenha algum problema de saúde, consulte um médico.

 

REFERÊNCIAS:

 

Whey protein supplementation during resistance training augments lean body mass.

Volek JS1, Volk BM, Gómez AL, Kunces LJ, Kupchak BR, Freidenreich DJ, Aristizabal JC, Saenz C, Dunn-Lewis C, Ballard KD, Quann EE, Kawiecki DL, Flanagan SD, Comstock BA, Fragala MS, Earp JE, Fernandez ML, Bruno RS, Ptolemy AS, Kellogg MD, Maresh CM, Kraemer WJ.

Whey Protein Supplementation Improves Body Composition and Cardiovascular Risk Factors in Overweight and Obese Patients: A Systematic Review and Meta-Analysis.

Wirunsawanya K1, Upala S2,3, Jaruvongvanich V1, Sanguankeo A3,4.

 

Casein and whey exert different effects on plasma amino acid profiles, gastrointestinal hormone secretion and appetite.
Hall WL1, Millward DJ, Long SJ, Morgan LM.

Effect of different protein sources on satiation and short-term satiety when consumed as a starter.

Abou-Samra R1, Keersmaekers L, Brienza D, Mukherjee R, Macé K.

Dietary fiber and body weight.

Slavin JL1.

Dietary fiber for the treatment of type 2 diabetes mellitus: a meta-analysis.

Post RE1, Mainous AG 3rd, King DE, Simpson KN.

Como queimar gordura abdominal rapidamente

Será que é possível queimar gordura abdominal rápido de forma efetiva? Existe alguma fórmula para isso, como uma receita de bolo? Neste conteúdo você irá conferir tudo sobre emagrecimento, e concluir se isso é possível.

Como perder gordura abdominal rapidamente?

Você que busca por como perder a gordura abdominal, precisa entender que é um tanto complexo! Não basta apenas esperar por fórmulas mirabolantes, e sim condicionar seu corpo com alimentação adequada e atividade física. O tempo para perda de gordura dependerá muito de diversos fatores fisiológicos, portanto, não invente moda de fazer aquelas dietas malucas ou seguir dicas do seu vizinho(a).

 

Como perder gordura abdominal através de exercícios

Esse é mais um mito criado pelo povo! Converse com um profissional de educação física e verá que essa informação não é verdadeira. Perder gordura localizada através de algum exercício específico não é possível. O emagrecimento acontece de maneira geral em seu corpo, e não em um local marcado. Pode começar a sentir sua bochecha afinando ou cintura diminuindo, isso dependerá de muitos fatores. Bom, agora quando você sabe que isso é um mito, pois se fosse dessa forma, todo mundo estaria fazendo abdominal e perdendo barriga, deixando o resto dos membros cheios de gordura e flacidez.

 

7 dicas e mentiras de como perder gordura abdominal

Vamos alinhar as expectativas e encontrar a realidade no emagrecimento saudável:

1- Carboidratos não são vilões

Mas, o que?! Yes, isso mesmo, eles não são os vilões, considere-os na verdade como amigos. Sua dieta deverá conter quantidades ideais de carboidratos sim. Nem pense em tirar frutas, vegetais e grãos. É estabelecido 45-65% de sua dieta deverá ser em carboidratos. Os mesmos são responsáveis por dar uma energia extra, principalmente na hora de se movimentar. Imagine que é como abastecer o seu carro, e sem quantidades suficientes desta gasolina, não será possível se deslocar.  

 

2 –  Dietas com baixa quantidade de gordura são as melhores no emagrecimento

Quando estamos no supermercado, é possível conferir que algumas marcas destacam em suas embalagens, alimentos como baixos em gordura ou low fat. Mas será que isso realmente é tão importante assim? Nem um tanto. Da mesma forma que são baixos em gordura, em alguns casos são repletos de açúcares e entre outros. Não é bem assim que se escolhe um alimento, até porque a gordura auxilia inclusive em sua saciedade, sabia disso? Portanto, boas fontes de gordura irão providenciar mais saciedade, entre outros benefícios positivos. Para ajudar, experimente incluir em seu dia a dia, algumas oleaginosas.  

 

3 – Comer menos e mais vezes ao dia auxilia no emagrecimento

E ai você se alimenta 2x ao dia, poucas calorias, porém com alimentos de baixa qualidade e está engordando, que estranho não é mesmo?! Nosso metabolismo e algumas funções hormonais funcionam melhores quando nos alimentamos com maior frequência ao dia e com a quantidade ideal de calorias. 3h de intervalo, com pequenas refeições não irão engordar você, e sim mantê-lo satisfeito.

 

4 – Não consigo comer bem, pois como fora de casa.

Você sabe que isso não é verdade! É possível dentro de um restaurante escolher bons alimentos, mas muitas vezes você cai na vontade de pegar tudo o que é frito ou sem perceber acaba se encontrando na frente de um drive thru. Que coisa não é mesmo? Não estou dizendo para você ignorar algo que gosta de comer, porém busque se alimentar melhor, tenho certeza que saberá escolher os verdinhos certos.

 

5 –  Frutas contém muito açúcar

Não diga mais nada! Frutas contêm múltiplas vitaminas, minerais e antioxidantes, não diga que foi a maçã que lhe trouxe quilos extras, quando sua alimentação está repleta de doces. Além disso, as frutas providenciam boas fontes de fibras, que ajudam ainda a evitar grandes picos de insulina. Já ouviu falar de alguém tendo uma hiperglicemia depois de ter comido um morango? Imagino que não. Fibras são importantes para atraso da absorção do açúcar  providenciando assim, uma energia mais continua. Portanto, tire a ideia e não as frutas.

 

6 – Virei vegetariano e estou engordando!

Ter alimentação vegetariana é mais fácil do que parece, claro que para alguns não parece tão fácil, mas vocês entenderam o ponto de vista, certo? Ok, em diversos casos quando o indivíduo começa a deixar as fontes animais de lado, seu consumo alimentar fica confuso e o que ele começa a lembrar de comer são na maior parte das vezes, apenas carboidratos. Veja, ter uma alimentação vegetariana, é ter uma alimentação tão rica quanto às demais, você precisa incluir boas fontes de proteínas vegetais, gorduras boas, e carboidratos de qualidade, de forma balanceada. Não se esqueça das vitaminas e minerais, e principalmente da vitamina B12 e ferro, afinal, você não quer ficar com anemia né? Temos hoje diversos suplementos que irão servir de suporte a sua alimentação, como proteína do arroz e da ervilha como por exemplo. É importante manter um padrão adequado de nutrientes, por isso é ideal que procure um nutricionista.

 

7 – Faço atividade física e meu peso na balança não muda.

Calma! Não significa que não está eliminando a gordura. Se você está praticando exercícios físicos, há muitos motivos dos quais seu peso diminui aos poucos e até mesmo parece congelado na balança, isso pode significar de que está ganhando massa muscular, e se vocês não sabem, músculo pesa muito mais do que gordura!  Pare de se preocupar com o Dr Rey e com a balança, mantenha sua rotina de atividade física e alimentação, seu ponto de referência serão as roupas e espelho.

Como perder gordura abdominal em casa

O primeiro passo é começar pela cozinha! Claro que sim, uma mudança corporal acontece nos hábitos alimentares e logo com atividade física. Se você não tem tempo para atividades outdoor, experimente alguns exercícios em casa, converse com seu educador físico e peça para que ele lhe passe alguns movimentos para executar em sua sala, será divertido.

 

Gordura abdominal Mulher vs Homem

As dicas acima são para ambos os sexos, porém é normal verificar uma mulher com gorduras mais localizadas, certo? Isso se dá pelas respostas hormonais femininas, não iremos aprofundar muito, pois irá causar um nó em sua cabeça. No entanto, pode ocorrer da mulher estar utilizando anticoncepcional e o mesmo favorece maior retenção de líquidos e aumento de certos hormônios femininos. Muitas vezes o anticoncepcional é necessário, e até mesmo recomendado pelo seu médico, por isso experimente incluir chá verde em sua alimentação, pois o mesmo é interessante para evitar retenção de líquidos e claro diminua o consumo de sódio e alimentos industrializados. Além de conter uma grande quantidade de antioxidantes no chá verde, eles são fundamentais em todo plano de emagrecimento e contra radicais livres.

 

Como acelerar o processo de queima de gordura?

Você não deve acelerar o processo, ele deve fluir. Mantenha seu hábito alimentar, atividade física adaptada a seus limites, e logo irá notar muitas mudanças em sua calça jeans. Mantenha alimentos antioxidantes e probióticos, eles são fundamentais para um bom funcionamento fisiológico. Invista em exercícios aeróbicos todos os dias, para dar um boost nas calorias extras. Não é preciso abdicar dos prazeres alimentares para ter um emagrecimento efetivo, apenas controle-os.

Conclusão

Viu só como não existe receita de bolo? E muito menos extremismos? Pois é! Então comece agora se alimentando melhor e a se exercitar, seu corpo agradece. Ah, e beba água.

Camu Camu a fruta que é a verdadeira Vitamina C | Blog NewNutrition

A fruta de origem amazônica Camu Camu.

É pouco conhecida no Brasil, além de ser difícil encontrá-la a venda no país. O fruto é considerado como a Vitamina C pura, deixando a Laranja no “chinelo”.

Os benefícios do Camu Camu natural é que ele ajuda a eliminar toxinas do seu corpo, auxiliando na cicatrização de feridas, melhorando o sistema imunológico.

Além de ser muito usado como suplemento alimentar ajudando na sua condição emocional e diminuindo o estresse e depressão

(dentre outros como catarata, glaucoma, asma, aterosclerose, gengivite, cefaléias, osteoartrite e artrite reumatoide).  

O Camu Camu vitamina C também pode ser usado como pós-treino, além de ser um bom aliado para quem busca perder aqueles quilinhos indesajados.

O que é Camu Camu?

Cresce na várzeas do rio, principalmente nas épocas de cheia dos rios amazonenses. A fruta pesa-se entorno de 8g, sua casca e miolo faz muito bem a saúde.

Com um gosto um pouco azedo, esta fruta conquista muito quem é fã de um gosto peculiar e, um tanto, digamos, indiferente.

Sua saúde com Camu Camu:

Ele também tem propriedades antioxidantes, faz bem para a saúde e é rejuvelhecedor, pois ajuda na produção do colágeno e por possuir vitamina C.

O preço do suplemento Camu Camu  atualmente, está em média R$35,00, além de ser um preço em conta, pois o mesmo é oferecido na ajuda em intermináveis funções como nutrir seu corpo com Vitamina C, aumentando sua imunidade e prevenindo várias doenças ou até mesmo auxiliando em vários tratamentos. (obs: para qualquer decisão consulte um nutricionista).

A NewNutrition então apresenta a você o nosso novo produto: Camu Camu em pó, rico em vitamina C, para o seu dia-a-dia, além de ser rápido e prático o preparo. O produto é ideal para misturar com suplementos, shakes, bolos e sucos, deixando-os mais deliciosos e nutritivos.

Invista em uma vida saudável! Clique na imagem a baixo e garanta o seu! 🙂

camu camu

Tudo sobre creatina

 

 

 

Você sabe o que é obesidade?

 

Obesidade é quando o nosso corpo acumula grande quantidade de gordura,

Esse excesso pode ter um grande impacto negativo na sua saúde. O que hoje em dia se tornou extremamente comum. No cenário atual a obesidade tem mais facilidade de ser obtida, pois a cada dia observamos um grande aumento em restaurantes Fast-foods, propagandas exageradas e combos alimentares á preço de banana.  O que vem a chamar a sua atenção nesse contexto é que além de todas essas tentações, é possível verificar alertas a todo tempo dizendo que em excesso isto fica prejudicial a saúde.

Porque a obesidade está muito presente no nosso cotidiano? 

  • Consumindo muitas calorias

Se fizermos uma análise do consumo baseando-se antigamente, estamos vivendo em uma geração que come muito mais do que seu limite. Isso não é só no Brasil, e sim no mundo todo. Veja alguns gráficos:

  • Atleta atual: sedentário

 Temos hoje infinitas tecnologias para deixa-lo o mais sedentário possível, basta apertar um botão e você consegue o que quer. TV, aplicativos de comida, aplicativos de caronas e etc. Ir até o mercado fazer a compra do mês? Claro que não, basta acessar o site do mercado e solicitar tudo via internet e pronto, em algumas horas sua compra está na porta de casa.

Quanto menos você se mexe, menos calorias você irá gastar. Então, vá até a padaria a pé, deixe seu veiculo em casa. Não seria apenas contar calorias, nosso corpo funciona de um modo muito mais complexo do que isso. Precisamos lembrar que a atividade física promove diversos fatores benéficos, alguns deles são: Hormonal, mental e intestinal entre outros diversos fatores.

Se você tem filhos, estimule-os a fazer alguma atividade física. Afinal, você é o espelho da futura geração, portanto trate de ensinar as boas maneiras para uma saúde mais equilibrada.  Lembrando que a atividade física para crianças não apenas evita a obesidade aumentam a interação social. Converse com seu filho e vejam quais são as atividades físicas que eles podem se interessar. Crianças com TV no quarto podem ser as mais propensas a se tornarem acima do peso ou obesas segundo o estudo  Pennington Biomedical Research Center in Baton Rouge, LA, reported in the American Journal of Preventive Medicine (December 2012 issue).

  • Você não está dormindo o bastante ?

Se você está dormindo pouco, seu risco de se tornar obeso tende a dobrar.

 

Nós sabemos que um bom sono mantem o nosso equilíbrio hormonal. Poucas horas de sono resultam em um aumento de um hormônio chamado ‘’cortisol’’, o mesmo é necessário para nossa existência, porém o desequilíbrio resulta em diversos fatores contribuintes para o ganho de peso. Portanto, certifique de dormir.

 

  • Como a obesidade pode afetar em sua saúde?

  • Problemas cardiovasculares
  • Diabetes tipo 2
  • Colesterol alto
  • Problemas nas articulações, devido ao alto peso.
  • Problemas respiratórios, incluindoApneia.
  • Pressão alta

    Nós do Time NewNutrition esperamos que este conteúdo tenha sido um bom alerta a você e a sua família. Sabemos que mudar não é fácil, mas precisamos nos dedicar ao máximo para o melhor. Afinal, nada melhor do que uma boa alimentação e um programa de treinos né mesmo? Cada dia você irá se conhecendo melhor e verá o que funciona para seu estilo de vida e assim, dizendo a tchau aos quilos indesejáveis.

Suplementos a base de cafeína o que são? Emagrecem? Efeitos colaterais?

Olá tudo bem? Meu nome é Renato Barbim, eu sou Nutricionista e vou conversar com vocês a respeito da cafeína.

O que é Cafeína?

Bom à cafeína é uma substância encontrada em diversas plantas encontradas na natureza, por exemplo: O café, chá verde, guaraná entre outras. E ela também está presente no chocolate, e em algumas bebidas a base de cola.

Benefícios da Cafeína:

A Cafeína ela tem várias ações no corpo humano, dentre elas, por exemplo, a ligação dela nos receptores de adenosina, ou seja, no sistema nervoso central a cafeína pode ser um estimulante, pois a adenosina não consegue penetrar no sistema nervoso central, causando todo o processo de relaxamento. Então a cafeína pode evitar isso fazendo com que você leve a fadiga mais a diante, que você tenha a fadiga mais para frente. Então ela causa essa sensação talvez de bem estar e menos sonolência.

Emagrecimento:

A cafeína também tem ação considerada termogênica, pois ela inibe a ação de uma enzima chamada fosfodiesterase, e com isso aumenta a liberação de gordura porem não é por conta que você está usando um suplemento de cafeína, ou utilizando muitas ervas e chás que tem cafeína que você irá emagrecer, não, o emagrecimento agente sabe que depende de vários fatores. A Cafeína pode ser um fator que ajude, mas existem muitos outros fatores que ajudam muito mais.

Dentro do esporte a cafeína também é utilizada por vários atletas, por exemplo, por essa questão de levar a fadiga mais a diante, então um atleta vai sentir uma dor ou a sensação de mal estar, mas a diante.

Efeitos colaterais:

Pessoas que tem uma alta sensibilidade à cafeína, por exemplo, ataque cardíaco com muita frequência ou então até problemas de coração ou até insônia, são pessoas que devem tomar cuidado com o suplemento de cafeína, até mesmo devem tomar cuidado com um simples cafezinho, expresso que pode variar ai a concentração de 50 ou até 80 mg. Então pessoal façam o teste usem antes, e sempre tentem utilizar a menor dosagem.

Bom sobre cafeína é isso, qualquer dúvida que restar mande no nosso e-mail e até o próximo vídeo.

 

Autor:

Nutricionista Renato Barbim